Por Gabriel Codas

Investing.com – O dia positivo no mercado local de ações impulsiona os papéis da Azul (SA:AZUL4), Gol (SA:GOLL4) e CVC Brasil (SA:CVCB3), mesmo depois do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinar um decreto que proíbe a entrada de viajantes que passaram pelo Brasil nos últimos 14 dias. A medida foi tomada devido aos casos registrados do novo coronavírus e deve entrar em vigor em 29 de maio.

Com poucos voos atualmente entre os dois países devido às restrições adotadas para combater o surto de coronavírus., os ativos pouco foram afetados, com a Azul somando 4,12% a R$ 15,41, a Gol avançando 4,01% a R$ 12,72, enquanto a CVC ganhava 9,94% a R$ 13,71, por volta das 15h09. A queda de mais de 1% do dólar, negociado a R$ 5,4688, favorece a alta das companhias. O Ibovespa registrava alta de 3,87% a 85.354 pontos.

De acordo com o comunicado divulgado pela Casa Branca, a restrição é necessária para “proteger o país” da contaminação pelo novo coronavírus. A medida não será aplicada aos cidadãos norte-americanos, residentes e filhos de residentes menores de 21 anos.

Mais cedo, o consultor de segurança nacional da Casa Branca, Robert O’Brien, informou que a medida seria tomada ainda neste domingo. O’Brien disse que os Estados Unidos também analisarão as restrições para outros países do Hemisfério Sul.

Trump já havia cogitado tomar a medida há alguns dias, devido ao aumento do número de casos no Brasil, que ocupa o segundo lugar entre os países com mais pessoas contaminadas, atrás justamente dos EUA. Neste domingo, porém, o número de mortes registrado no Brasil (653) foi maior do que nos Estados Unidos (638), segundo a universidade Johns Hopkins.

  • Simulador Online de Investimentos SPACEMONEY

    Acesse nosso Simulador de Investimento e descubra as melhores aplicações financeiras para o seu bolso e perfil.

    Simulador Online