Produtos/Serviços Parceiros

Parceria r7.com

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, operava em baixa durante o pregão desta quinta-feira (16). A onda de pessimismo atingiu os mercados após a divulgação do PIB da China.

Por volta das 14h08, as perdas eram de 1,3%, aos 100.469 pontos.

O dólar registrava desvalorização de 0,957%, cotado a R$ 5,332.

Veja os fatores que influenciam os mercados hoje:

Mercados internacionais

Ásia (encerrados)

Nikkei 225 (Jap): 0,76% ↓
Shangai Composite (Chi): 4,5% ↓

Europa (encerrados)

DAX 30 (Ale): 0,43% ↓
FTSE 100 (Ing): 0,67% ↓
CAC 40 (Fra): 0,46% ↓

EUA

Dow Jones: 0,58% ↓
S&P 500: 0,53% ↓
Nasdaq: 0,95% ↓

PIB da China

A China divulgou seu PIB para o segundo trimestre de 2020: crescimento de 3,2% em comparação com o mesmo período de 2019. Após o tombo de 6,8% no primeiro trimestre, os investidores avaliam o resultado positivo do gigante asiático — a expectativa para o indicador girava em torno de 2,5%. No entanto, os dados de varejo do país, que caíram 1,8% em junho, trouxe preocupações.

Desemprego nos EUA

Mais uma quinta-feira, mais dados do mercado de trabalho norte-americano: foram mais 1,3 milhão de pessoas pedindo auxílio-desemprego na semana passada no país. O número veio levemente acima das projeções e praticamente inalterado em relação ao período anterior.

Em Brasília

Os 11 vetos do presidente Jair Bolsonaro ao novo marco legal do saneamento trouxe mais tensão com o Congresso. Os parlamentares criticaram a decisão que, segundo eles, compromete a eficácia da legislação.


Publicidade

  • Produtos/Serviços SpaceMoney

  • Parceria r7.com

  • Simulador Online de Investimentos SPACEMONEY

    Acesse nosso Simulador de Investimento e descubra as melhores aplicações financeiras para o seu bolso e perfil.

    Simulador Online
  • © 2020 – SpaceMoney Brasil Informações e Sistemas Ltda. Todos os Direitos Reservados.
    A SpaceMoney é um veículo informativo e não faz recomendações de investimentos, não podendo ser responsabilizada por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.