fbpx

Parceria r7.com

Ibovespa

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, operava em baixa durante o pregão desta sexta-feira (31). Após abrir em leve alta, as ações as bolsas do exterior, que operavam no vermelho.

Por volta das 13h30, as perdas eram de 1,52%, aos 103.412 pontos.

O dólar tinha alta. A moeda norte-americana registrava valorização de 0,99%, cotada a R$ 5,21.

Veja os fatores que influenciam os mercados hoje:

Mercados internacionais

Ásia (encerrados)

  • Nikkei 225 (Jap): 2,82% ↓
  • Shangai Composite (Chi): 0,71% ↑

Europa

  • DAX 30 (Ale): 0,54% ↓
  • FTSE 100 (Ing): 1,54% ↓
  • CAC 40 (Fra): 1,43% ↓

EUA

  • Dow Jones: 0,76% ↓
  • S&P 500: 0,35% ↓
  • Nasdaq: 0,43% ↑

Clique aqui para ver como os índices brasileiros operam hoje

Balanços

Antes da abertura, a Gol divulgou seus números para o segundo trimestre.

Nos EUA

Acaba hoje o prazo para o pacote de ajuda aos desempregados norte-americanos. Uma extensão ao benefício está sendo discutida no Legislativo dos EUA, entre discordâncias entre republicanos e democratas.

Enquanto isso, o presidente Donald Trump sugeriu adiamento das eleições em novembro, alegando o risco de fraudes, em meio à pandemia do novo coronavírus. O líder voltou atrás na fala.

Dados econômicos

Enquanto os dados vindos da China deram perspectivas animadoras, com os PMIs (índice de gerentes de compras) subindo de 50,9 para 51,1 em julho, o PIB da Zona do Euro foi um balde de água fria. O indicador apresentou retração de 12,1% no segundo trimestre, a maior da história.


Publicidade


  • Produtos/Serviços SpaceMoney

  • Parceria r7.com

  • Simulador Online de Investimentos SPACEMONEY

    Acesse nosso Simulador de Investimento e descubra as melhores aplicações financeiras para o seu bolso e perfil.

    Simulador Online
  • © 2020 – SpaceMoney Brasil Informações e Sistemas Ltda. Todos os Direitos Reservados.
    A SpaceMoney é um veículo informativo e não faz recomendações de investimentos, não podendo ser responsabilizada por perdas, danos (diretos, indiretos e incidentais), custos e lucros cessantes.