O que é e como funciona o circuit breaker da B3

SpaceCast - Ouça esta matéria clicando abaixo:

O Ibovespa, principal índice acionário da B3, a bolsa brasileira, atingiu o circuit breaker por volta das 10h30 desta segunda-feira (09). As perdas chegaram a 10%, aos 88.828,14 pontos.

Mas, afinal, o que é e como funciona o circuit breaker?

O mecanismo é ativado quando há perdas ou ganhos de 10%, numa tentativa de defender o índice da volatilidade dos mercados e permitir o rebalanceamento das operações. Hoje, os mercados globais estão em pânico com o preço do petróleo e os receios com o coronavírus.

Quando há variação de 10%, as operações ficam paradas por meia hora. Na volta da pausa, se o Ibovespa oscilar 15% em relação ao fechamento anterior, a bolsa pode suspender as negociações por até 1 hora. Se a variação atingir 20%, a sessão fica parada por tempo indefinido.

Considerando que o fechamento da última sexta-feira foi a 97.996 pontos, o índice tem que operar a 83.197 pontos para ativar a pausa de mais 1 hora. Para parar as negociações por período indefinido, o Ibovespa teria que chegar a 78.397 pontos.

O que causou as perdas de hoje?

Após a discordância entre Rússia e Opep em relação aos cortes de produção, a petroleira estatal da Arábia Saudita, a Saudi Aramco, está oferecendo petróleo a preços abaixo dos oficiais. Além disso, o país faz preparativos para elevar a sua produção para mais de 10 milhões de barris ao dia (mbpd).

Com isso, o preço do barril de petróleo chegou a cair 30%. Agora, o Brent é cotado a US$35,86/barril. A situação também derrubou moedas emergentes, como o peso mexicano.

Enquanto isso, a epidemia do coronavírus continua a assustar os mercados, alcançando novos níveis na Itália, o segundo país com maior número de casos, com mais de 7 mil infectados. Milão, importante centro econômico, está em quarentena.

Contudo, no Brasil, os casos confirmados chegaram a 24, sem nenhum óbito. Portanto, no mundo, as ocorrências do COVID-19 passam de 100 mil e as mortes chegam a 3.800.

Circuit Breaker

Qual é o histórico dos circuit breakers do Ibovespa?

A última vez que os negócios do Ibovespa tinham sido interrompidos havia sido no Joesley Day, em 18 de maio de 2017, quando o então presidente Michel Temer havia sido envolvido em denúncias de corrupção, às vésperas da aprovação da reforma da previdência no Congresso.

Antes disso, a crise econômica mundial de 2008 chegou a interromper o pregão por 4 vezes durante meia hora, além de 1 vez por 1 hora. Em 2001, a bolsa parou com o ataque às Torres Gêmeas, em Nova York, seguindo os mercados internacionais.